RSS

Arquivo de etiquetas: Restaurantes

Salinas de Maragogi

Depois de passear por Maceió, fomos visitar a tranquila e maravilhosa Maragogi. Nunca tínhamos visitado essa região do litoral alagoano e simplesmente adoramos! Além da beleza natural da região, ficamos hospedados no excelente Salinas de Maragogi, que nos proporcionou uma experiência muita boa e nos fez curtir mais ainda nossa estadia.

salinas maragogi

O resort de Maragogi é bem maior e mais requintado que seu irmão mais novo de Maceió. Além disso, o de Maragogi é all-inclusive e portanto mais caro que o do Maceió, que além de menor é pensão completa. Como tínhamos acabado de vir desse último, as comparações são inevitáveis, mas gostamos dos dois, cada um do seu jeito.

O Salinas fica ao sul e muito próximo da vila de Maragogi em uma área entre a estrada e a praia. O espaço é bem grande e conta até com um rio bem bonito cortando ao meio o resort, portanto os dois setores são interligados por 2 pontes de madeira. Do lado mais próximo a estrada fica a recepção, restaurante principal, miniclube, teatro, academia, sala de jogos e a grande maioria dos blocos de apartamentos, assim como uma piscina menor e bar. Atravessando a ponte fica o bloco de apartamentos mais novos, a piscina principal, praia, quadras esportivas, bar da piscina e os restaurantes à la carte. Tudo bem integrado e não é necessário andar tanto para os deslocamentos.

O que mais me impressionou nesse resort foi a beleza do paisagismo e sua integração com a natureza! Tudo muito bem planejado, gerando um clima super agradável e aconchegante para os hóspedes. É certamente um diferencial! A preocupação com a limpeza também impressiona e a todo o momento tem algum funcionário passando recolhendo as sujeiras deixadas pelos hóspedes.

salinas_maragogi_1

salinas_maragogi_3

salinas_maragogi_4

Os blocos de apartamentos dos dois lados do rio seguem a linha padrão de 3 ou 2 andares e não possuem elevador. Ficamos hospedados na ala junto a piscina principal e praia, onde os quartos são mais novos. Gostamos bastante das acomodações. O quarto é bem confortável e conservado e as suítes possuem vista para o mar.

salinas_maragogi_2

salinas_maragogi_bloco

salinas maragogi apartamento

salinas maragogi apartamento

salinas maragogi apartamento

salinas maragogi apartamento

salinas maragogi apartamento

Para quem viaja com crianças pequenas, eles contam também com uma baby copa bem equipada para auxiliar os pais. Eles fornecem sem custo todas as farinhas e leite em pó.

salinas_maraqgogi_baby_copa_1

salinas_maraqgogi_baby_copa_2

A praia também é um dos pontos fortes do resort, pois a água é calminha e quentinha. Apenas quando a maré desce muito é que você tem que entrar muito para conseguir mergulhar, pois fica raso até bem longe, mas independente disso a praia é bem gostosa e ideal para quem viaja com crianças. A areia é branquinha e bem firme, o que facilita as caminhadas até as praias vizinhas e a vila, que fica bem próxima.

salinas_maragogi_praia_1

salinas_maragogi_praia_1

salinas_maragogi_praia_1

O complexo de piscinas é dividido em 2 partes. A piscina principal fica colada à praia e é a preferida dos hóspedes durante, principalmente por possuir também um excelente bar anexo. A piscina em si não é tão grande assim, mas raramente fica muito cheia, mesmo com o hotel lotado, já que a maioria prefere curtir a praia.

salinas_maragogi_piscina_1

salinas_maragogi_piscina_1

Do outro lado do rio, bem ao lado do restaurante principal e recepção, fica o segundo complexo de piscinas, que é menor que o outro. Normalmente essa piscina fica vazia durante boa parte do dia, enchendo mais no final da tarde, quando é servido um lanche bem gostoso na área em anexo.

salinas_maragogi_piscina__sec

salinas_maragogi_piscina__sec

O resort conta com uma excelente infra e oferece uma vasta gama de atividades para adultos e crianças. Na área próxima à praia ficam o campo de futebol, quadras esportivas, arco e flecha e tiro, sendo que eles emprestam o material necessário para cada atividade sem custo.

salinas_maragogi_volei

salinas_maragogi_futebol

salinas_maragogi_tenis

Na própria praia são oferecidas várias atividades náuticas e no rio o legal é andar de caiaque ou stand up paddle. O fim de tarde no rio é bem bacana com a iluminação do pôr do sol.

salinas_maragogi_caiaque

salinas_maragogi_nautica

Para quem gosta, é possível também fazer arvorismo e tirolesa sobre o rio, mas essas atividades são pagas a parte. A tirolesa custava R$30 e não achei caro, sendo que meu filho adorou a experiência!

salinas_maragogi_tirolesa

Ao lado da recepção fica a academia de ginástica, assim como uma sala de jogos com mesas de sinuca. Bem próximo fica também um quiosque com os jogos eletrônicos e tênis de mesa, sendo que essa área é usada também de base para o mini clube das crianças acima de 7 anos.

salinas_maragogi_sinuca

salinas_maragogi_sala_jogos

Para quem quer relaxar, o resort ainda conta com um excelente spa com opções bem variadas de relaxamento individual ou em grupo, já que existem salas específicas para casais. Achei bem bacana a estrutura e ótimo atendimento das funcionárias. Para estimular o uso do spa, no momento do check-in todos os hóspedes recebiam um vale que dava direito a uma massagem nos pés de 15 minutos para o casal, atitude que achei bem simpática e inteligente do resort.

salinas_maragogi_spa

A recreação adulta é bem semelhante aos outros resorts e conta com vários animadores ao redor da piscina, praia e quadras estimulando as atividades. A programação fica sempre disponível em vários locais espalhados pelo resort e achei bacana que eles sempre divulgam uma programação para o caso de chuva também.

salinas_maragogi_hidro

A recreação infantil é um dos pontos fortes e meu filho simplesmente adorou! Tem uma específica para a faixa etária de 4 a 6 anos e outra de 7 a 12. Eles possuem uma preocupação grande com a segurança das crianças, o que achei bem bacana! Todas as crianças inscritas no mini clube recebem uma pulseira específica para identificação, sendo que na mesma constam as informações básicas, como número do quarto e nome dos pais. As crianças ainda recebem uma camiseta colorida que ajudam os monitores. Para as crianças acima de 7 anos, os pais podem optar se as mesmas podem sair sozinhas ou não das atividades.

salinas_maragogi_brinquedos

As atividades são muito boas, misturando esportes e jogos mais lúdicos, portanto é diversão garantida o dia inteiro. Após o jantar rola atividade até às 22h também, então as crianças ficam exaustas ao final do dia. Em uma das noites realizaram um show de mágica bem interessante e produzido e em outra foi a vez deles participarem de uma danceteria com DJ e tudo no salão de jogos sem a presença dos pais.

salinas_maragogi_arco_flecha

salinas_maragogi_disco

Se não bastassem todas as atividades oferecidas dentro do resort, eles ainda oferecem atividades externas pagas a parte, mas que são organizadas pelo próprio hotel. O passeio para mergulhos nas galés, que é o mais famoso dessa região, é um deles, portanto não precisa se preocupar em ficar procurando empresas especializadas. Vou falar detalhadamente sobre esse passeio no próximo post. Também é possível realizar passeios de buggy pelas praias do norte com os bugueiros que ficam na praia, mas eles não têm relação com o hotel e a negociação é individual. Também vou falar sobre esse passeio em outro post, que foi um dos pontos altos da nossa viagem.

salinas_maragogi_barco

No quesito comida o resort não decepciona, já que ele conta com um restaurante principal Galés, 2 restaurantes à la carte (Rio Mare e Tempero Mediterrâneo) e o bar da piscina. No primeiro acontecem todas as refeições principais (café, almoço e jantar) e a comida é boa, mas nada de excepcional. Também é possível almoçar no local de um dos restaurantes à la carte, mas lá é comida é bem simples e tem menos opções, funcionando nessa hora no esquema buffet.

salinas_maragogi_restaurante_3

salinas_maragogi_restaurante_3

salinas_maragogi_restaurante_3

O Coral bar, que fica ao lado da piscina e praia, foi para mim uma surpresa muito agradável, pois na maioria dos resorts ele conta somente com petiscos mais comuns, mas aqui eles sempre ofereciam camarões fritos, lagostins, peixes, acarajé e a tarde ainda rolava sempre um festival de pizzas bem gotosas. Tudo uma delícia! Na piscina do outro lado do rio fica o Canoas bar, que também sempre tinha a tarde uns doces e salgados muito bem feitos.

salinas_maragogi_bar_1

salinas_maragogi_bar_1

salinas_maragogi_bar_1

Se o restaurante principal não tem nada de especial, o mesmo não se pode dizer dos à la carte. Tem um italiano e outro mediterrâneo, sendo que ambos são excelentes e contam com um cardápio gourmet, onde você deve escolher uma entrada, um prato principal e sobremesa. A comida estava ótima em ambos! A partir de 3 noites você tem direito a 1 reserva e depois mais uma a cada 2 noites, portanto com 5 noites você pode experimentar os dois. É necessário fazer agendar dia e horário, portanto sugiro que você faça na primeira oportunidade para não ficar sem opção.

Experimentamos sempre uma salada de entrada e várias excelentes pratos principais, como risoto de lula, risoto de camarão, massa, etc. Para encerrar, sempre uma sobremesa maravilhosa!

salinas_maragogi_alacarte_3

salinas_maragogi_alacarte

salinas_maragogi_alacarte

salinas_maragogi_alacarte

salinas_maragogi_alacarte

salinas_maragogi_alacarte

Para encerrar os dias, sempre ocorriam bons shows noturnos no teatro principal bem na extremidade do hotel, logo após os prédios de apartamentos. Eles mesclavam shows de comediantes profissionais e outros de grupos musicais, todos muito bons, portanto nos divertimos bastante.

salinas_maragogi_show_comedia

salinas_maragogi_show_musica

Resumindo, passamos ótimos dias no Salinas Maragogi e a com certeza de que foi um dos melhores resort que já frequentamos, seja pela beleza natural, paisagismo, ótima praia, recreação animada, ótima infra e um serviço de qualidade. Com certeza voltaremos!

* Viajei a convite do Grupo Salinas

Acompanhe e curta também o Wazari no Facebook

Leia também:

Salinas Maceió
Maceió: Praias do Gunga e Barra de São Miguel

 
2 Comentários

Publicado por em Dezembro 30, 2014 em Brasil, Maragogi, Resorts

 

Etiquetas: , , , , , ,

Bariloche: onde comer

Finalmente chegamos ao último post dessa série sobre Bariloche e como sempre vamos falar sobre as opções gastronômicas na cidade. Existem vários restaurantes interessantes e os preços não são caros para os brasileiros, portanto o ideal é aproveitar os dias de passeio pela cidade para comer bem e curtir as melhores carnes argentinas.

El Bolice de Alberto – Parrilla

Bariloche_Boliche_de_Alberto

Esse é um dos restaurantes mais famosos e tradicionais de Bariloche quando o assunto é carne argentina, ou seja, figura certa em qualquer guia ou reportagem sobre a cidade. Justamente por ser tão famoso, tínhamos receio de ser muito turístico e não tão bom quantos outros restaurantes de carne. Sim, ele é turístico e vive lotado, tanto que 10 minutos depois de abrir já não tinha mais mesa, mas posso afirmar que foi sem dúvida foi a melhor carne que comemos em toda a viagem. Você escolhe os cortes desejados e eles vêm todos quentinhos em uma tábua de madeira para a mesa. Além de ser muito macia, a carne vem com um gostinho de churrasco característico. Uma delícia!

Bariloche_Boliche_de_Alberto_2

Bariloche_Boliche_de_Alberto_3

Bariloche_Boliche_de_Alberto_4

El Bolice de Alberto – Massas

Bariloche_Boliche_de_Alberto_massas_1

Além de sua parrilla famosa, o El Boliche de Alberto conta também com uma filial só de massas e que fica bem ao lado das outras filiais. Além de ser uma ótima alternativa para variar um pouco a alimentação, esse restaurante é bem mais barato e um dos melhores custo-benefício que encontramos. Os pratos de massa são bem fartos e baratos, além de bastante saborosos. Outra vantagem é que fica bem mais vazia do que as outras filiais. Gostamos bastante também!

Bariloche_Boliche_de_Alberto_massas_2

Bariloche_Boliche_de_Alberto_massas_3

Bariloche_Boliche_de_Alberto_massas_4

Bariloche_Boliche_de_Alberto_massas_6

Don Molina (Av. San Martín, 605 – Centro)

Bariloche_Don_Molina_1

Bariloche_Don_Molina_2

Esse foi outro excelente restaurante de carne que experimentamos e muito recomendado. Não decepcionou! Seu ambiente é mais requintado e muito agradável. Não sei se foi pela sua localização ser um pouco mais afastada da Mitre, e portanto do centrão mais turístico, mas ele estava bem mais vazio e tranquilo que os outros restaurantes que frequentamos, o que pode ser uma grande vantagem para quem viaja na alta temporada. Apesar do ambiente tranquilo, a comida estava excelente. Eu resolvi experimentar o cordeiro patagônico, que é típico da região, e estava bem saboroso e diferente. O couvert de entrada também estava bem gostoso e as papas a la provenzal foram as melhores que experimentamos! Destaque também para o excelente atendimento!

Bariloche_Don_Molina_3

Bariloche_Don_Molina_4

Bariloche_Don_Molina_5

Bariloche_Don_Molina_6

Bariloche_Don_Molina_7

La Marmite (Mitre 329)

Bariloche_La_Marmite_1

Esse restaurante tem uma excelente localização na Mitre e ficava bem ao lado do nosso hotel, portanto foi nossa opção para a primeira noite, já que estávamos cansados da viagem. Ele é famoso por seus fondues, mas também conta com outros pratos, inclusive carne. Nós optamos pela especialidade da casa mesmo. O fondue estava gostoso, mas nada de excepcional, portanto não vá com grandes expectativas. Já comemos fondues bem melhores, mas foi uma boa opção para variar o cardápio.

Bariloche_La_Marmite_2

Bariloche_La_Marmite_4

Bariloche_La_Marmite_3

Familia Weiss

Bariloche_Familia_Weiss_1

Esse é mais um daqueles restaurantes tradicionais indicados em praticamente todos os guias sobre a cidade. Ele fica junto ao lago e aproveitamos para jantar lá em um dia de jogo da Argentina, já que o restaurante tinha uma televisão grande e várias famílias argentinas estavam torcendo pela sua seleção na Copa. Como nós também não queríamos perder o jogo, foi uma excelente opção para ver o jogo e ainda vivenciar um pouco como os argentinos torcem. Eles são bem parecidos com a gente e ao final do jogo ainda rolou uma carreata de comemoração pela cidade, apesar de ter sido só o primeiro jogo e a vitória ainda por cima não foi muito convincente, o que demonstra como eles são apaixonados por futebol.

Voltando ao restaurante em si, a comida estava boa, mas nada de excepcional também. O chorizo estava muito bom, mas o cordeiro deixou muito a desejar e estava um pouco borrachudo, portanto se você quer experimentar um, sugiro o Don Molina que citei mais acima. A entrada estava excelente, com uns pães bem macios e gostosos e uma pastinha de salmão muito boa!

Bariloche_Familia_Weiss_2

Bariloche_Familia_Weiss_3

Bariloche_Familia_Weiss_4

Bariloche_Familia_Weiss_5

Bariloche_Familia_Weiss_6

Cerveceria Bachmann (V.A.O Connor 1348)

Bariloche_Cerveceria_Bachmann_1

Descobrimos essa cervejaria por acaso, já que voltamos tarde de um passeio e queríamos algum local aberto para almoçar e ver o jogo da Copa. Entramos sem muita pretensão e com o único objetivo de matar a fome, mas saímos bem satisfeitos. As empanadas de entrada eram bem gostosas e a carne estava bem preparada e saborosa, assim como o salmão. A cerveja também era boa, como não poderia deixar de ser em uma cervejaria. Não é uma opção gourmet, mas atendeu bem as nossas necessidades.

Bariloche_Cerveceria_Bachmann_2

Bariloche_Cerveceria_Bachmann_3

Bariloche_Cerveceria_Bachmann_4

Bariloche_Cerveceria_Bachmann_5

Cerveceria Antares (Elflein 47)

Bariloche_Cerceceria_Antares_1

Bariloche_Cerceceria_Antares_2

Resolvemos experimentar essa cervejaria em uma das noites na cidade. O ambiente é descontraído e lembra os pubs espalhados mundo afora, com uma trilha sonora rock-pop tocando ao fundo. A comida estava fraca e serviu mesmo só para matar a fome. O destaque ficou por conta somente das cervejas, já que eles oferecem vários tipos e você ainda pode escolher 4 para experimentar em doses menores. Só recomendo essa cervejaria se você quiser realmente curtir uma boa cerveja e o clima de pub, já que para jantar existem melhores opções espalhadas pela cidade.

Bariloche_Cerceceria_Antares_3

Bariloche_Cerceceria_Antares_4

Bariloche_Cerceceria_Antares_6

Acompanhe e curta também o Wazari no Facebook

Leia também:

Bariloche: onde se hospedar
Bariloche: um passeio pelo Centro
Bariloche: Cerro Otto
Bariloche: Circuito Chico e Cerro Campanário
Bariloche: Cerro Catedral
Bariloche: Piedras Blancas
Villa La Angostura e Cerro Bayo
O que fazer em Buenos Aires – Centro
O que fazer em Buenos Aires – Outras regiões
Buenos Aires: Um show de tango
Buenos Aires: Onde comer
Buenos Aires com crianças

 
2 Comentários

Publicado por em Outubro 1, 2014 em Argentina, Bariloche, Restaurantes

 

Etiquetas: , ,

Buenos Aires: mais restaurantes

Já comentei sobre restaurantes em Buenos Aires nesse outro post, mas nessa última viagem experimentamos mais alguns e vou compartilhar os que mais gostamos. Buenos Aires tem restaurantes excelentes das mais variadas especialidades, mas nós acabamos sempre curtindo mais os de carne, ou parrilla, pois são a especialidade local e nós amamos uma boa carne!

La Cabrera (José Antonio Cabrera 5099 – Palermo)

Buenos Aires La Cabrera Parrilla

Buenos Aires La Cabrera Parrilla

O La Cabrera é um dos mais conhecidos restaurantes de parrilla da cidade e nos últimos anos sua fama só vem crescendo. Por esse motivo, fazer uma reserva com antecedência é essencial, pois senão vai esperar horas na fila e em muitos casos nem vai conseguir lugar. Ele possui 2 filiais na mesma rua e bem próximas uma da outra e no mesmo quarteirão, portanto se não tiver vaga disponível em uma delas, tente na outra. O restaurante é realmente muito bacana e o atendimento super atencioso. As carnes são sensacionais e contam com acompanhamentos bem diferentes. Além do acompanhamento incluso no prato, eles servem de cortesia pequenas porções de outros acompanhamentos para você experimentar, o que achei muito bem bolado por parte deles, pois assim eles conquistam os clientes de forma simples e eficiente. Os pratos custam um pouco acima da média de outros restaurantes, mas nada demais, ainda mais se levarmos em conta a excelente qualidade da comida.

Buenos Aires La Cabrera Parrilla

Buenos Aires La Cabrera Parrilla

Buenos Aires La Cabrera Parrilla

Buenos Aires La Cabrera Parrilla

Buenos Aires La Cabrera Parrilla

Chiquilín (Sarmiento, 1599, Esq. Montevideo – Centro)

Chiquilin Restaurante - Buenos Aires

Buenos_aires_restaurante_chiquilin_2

Esse restaurante foi uma grande surpresa, pois não tínhamos indicação nenhuma sobre ele, mas como ficava ao lado do nosso hotel, resolvemos experimentar. Vimos que sua avaliação na internet era boa e os pratos dos clientes eram bonitos, portanto a chance de sucesso era e não nos arrependemos. Restaurante muito bom e atendimento bem prestativo. Além da tradicional carne argentina, o restaurante conta também com ótimos pratos de massa, como o sorrentino da foto. Gostamos tanto que voltamos mais de uma vez!

Chiquilin Restaurante - Buenos Aires

Chiquilin Restaurante - Buenos Aires

Chiquilin Restaurante - Buenos Aires

Chiquilin Restaurante - Buenos Aires

Chiquilin Restaurante - Buenos Aires

Kansas Grill & Bar (Av Libertador 4625 – Palermo)

Restaurante Kansas - Buenos Aires

Restaurante Kansas - Buenos Aires

O Kansas tem 3 filiais espalhadas pela cidade em minha opinião lembra muito esses restaurantes de cadeia que estamos acostumados a comer nos EUA e Brasil. Por ser especializado em carnes, é muito parecido com o Outback, tanto na disposição das mesas e bar, como pelo processo e as filas de espera imensas. O restaurante não aceita reservas, portanto se você não chegar bem cedo, vai esperar mais de 1 hora por uma mesa. Achei o restaurante bom, mas acho que não vale esse espera toda, pois existem outros restaurantes de carne muito melhores e mais autênticos. Recomendo só quando estiver mais vazio.

Restaurante Kansas - Buenos Aires

Restaurante Kansas - Buenos Aires

Restaurante Kansas - Buenos Aires

Depois de contar um pouco sobre a nossa rápida passagem por Buenos Aires, nos próximos posts vou contar tudo sobre o nosso destino principal no país: Bariloche. Aguardem!!!

Acompanhe e curta também o Wazari no Facebook

Leia também:

O que fazer em Buenos Aires – Centro
O que fazer em Buenos Aires – Outras regiões
Buenos Aires: Um show de tango
Buenos Aires: Onde comer
Buenos Aires com crianças

 
4 Comentários

Publicado por em Julho 24, 2014 em Argentina, Buenos Aires, Restaurantes

 

Etiquetas: , ,