RSS

Arquivo da Categoria: Valência

Valência

O último post dessa viagem é sobre a cidade de Valência, na região leste do país. A cidade é grande e tem bastante atrações, mas se você deseja apenas focar nas principais e ter uma boa ideia geral da cidade, um bate-volta a partir de Madri é perfeitamente possível, que foi exatamente o que eu fiz. Para visitar bem a cidade, o ideal são pelo menos 2 dias, mas fiquei satisfeito com o meu bate-volta. A vantagem é que de Madri existem vários trens rápidos que levam em torno de 1h40 até Valência, portanto não é tão cansativo assim. Os trens cheguem a mais de 300 Km/h! Você deve pegar o trem na estação Atocha e pode comprar a passagem pela internet no site da Renfe com descontos, caso compre com antecedência.

Valência - Trem 2

Valência - Trem 3

Chegando a estação de Valencia J. Sorolla, você deve se dirigir até a outra estação da cidade, a Valencia Noord, que fica mais próxima do centro. Para chegar lá você pode ir caminhando (15 min), já que não é tão longe assim, ou pegar o serviço de ônibus (autobús) oferecido gratuitamente. Basta seguir as placas e esperar o ônibus no ponto, pois ela fica rodando o tempo todo e chega bem rápido. Como você anda muito em Valência, eu sugiro pegar esse serviço para poupar as pernas para encarar o restante do dia.

Valência - Autobus 1

Valência - Autobus2

Valência - Estação Noord

Bem ao lado da estação Noord se encontra a imponente Plaza de Toros, mas não sei se ainda ocorrem touradas, ou se está desativada.

Valência - Plaza de Toros

Saindo da estação e caminhando pela Avenida del Marquês de Sotelo, você chega Plaça de l’Ajuntament, onde você pode observar a belas fachadas da Prefeitura, também conhecida como Ajuntament de Valência, e do prédio dos correios do lado oposto.

Valência - Prefeitura 1

Valência - Correios

Continuando a caminha mais ao norte, você entra na região do centro antigo e chega a Plaza de la Reina, onde fica uma das principais atrações da cidade: a milenar Catedral de Valência. A praça é bem bonita e florida e a Catedral, apesar de pequena, também merece uma visita e tem uma fachada um pouco incomum. No seu interior existem várias obras de grandes artistas e a entrada é paga, mas se você quiser pode somente observar um pouco de sua beleza do fundo sem ter que desembolsar nada.

Valência - Plaza de la Reina

Valência - Catedral 1

Valência - Catedral 4

Faz parte da Catedral também a famosa Torre del Micalet, que fornece um belo visual da cidade, principalmente do centro antigo ao redor. A entrada também é paga e são mais de 200 degraus até o topo, portanto tem que estar bem preparado fisicamente, mas o visual é compensador e vale muito a pena. No topo da torre fica também o sino da Catedral.

Valência - Torre del Micalet - Sino

Valência - Torre del Micalet - Vista 1

Valência - Torre del Micalet - Vista 2

A atração seguinte é Mercado Central, que é um mercado como vários outros ao redor da Europa, com estandes vendendo os mais diversos produtos do dia-a-dia valenciano. A arquitetura do mercado é bem bonita e original e se você tiver interesse, poderá comprar alguns produtos para beliscar ao longo do dia. Também existem alguns estandes especializados, como o de cervejas especiais que encontrei pelo caminho, que vendia uma boa variedade de cervejas de todas as regiões do mundo. Do lado de fora do mercado também encontrei uma feira de pulgas com produtos bem baratos.

Valência - Mercado 1

Valência - Mercado 2

Bem em frente ao mercado se encontra o Lonja de la Seda, que é o edifício histórico mais famoso de Valência, tendo inclusive sido declarado Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco em 1996. Essa construção foi o centro de trocas comerciais da cidade durante muito tempo e sua arquitetura é fortemente influenciada pelos mouros. Todas as suas salas internas são muito bonitas e merecem ser apreciadas. A entrada custa atualmente €2.

Valência - Lonja de la Seda 1

Valência - Lonja de la Seda 2

Valência - Lonja de la Seda 3

Valência - Lonja de la Seda 4

Em seguida aproveite para se perder pelas ruazinhas de pedestre do belo Barrio del Carmen, que retrata bem o centro histórico da cidade. Aproveite para curtir o comércio e a arquitetura típica das construções dessa região da cidade.

Valência - Barrio del Carmen

Valência - Barrio del Carmen 2

Ainda nessa região, não perca também a Basílica de la Virgen de los Desamparados, que fica na gostosa. Apesar de a basílica não estar entre as atrações mais famosas da cidade, gostei bastante, principalmente do belo afresco no teto da redoma. A praça também é um ótimo local para se sentar e relaxar um pouco observando o movimento dos locais. Se estiver um dia quente, tem uma sorveteria Amorino bem próxima para comprar um sorvete para se refrescar.

Valência - Basílica 1

Valência - Basílica 2

Valência - Basílica 3

Valência - Plaza de la Virgen 1

Valência - Plaza de la Virgen 2

Subindo mais ao norte em direção a Calle Conde del Trenor, você encontrará duas atracões. A primeira é a Torre del Serranos, que é um dos portões medievais que restaram da cidade.

Valência - Torre del Serranos

Em seguida, sugiro um passeio pelo Jardín del Turia, uma área verde que corta a cidade e é uma das principais áreas de lazer dos valencianos. O clima é muito gostoso e tem muita gente correndo, caminhando, pedalando ou praticando esportes nas quadras. As paisagens são bem bonitas, com muitas árvores, lagos e pontes, e é um ótimo programa para um dia ensolarado, como o que peguei na cidade, mesmo que ainda um pouco frio.

Valência - Parque 1

Valência - Parque 2

Valência - Parque 3

Valência - Parque 4

Agora, a melhor forma de curtir essa atração e ainda se deslocar até as atrações mais distantes do centro antigo é sem dúvida alugando uma bicicleta. Dessa forma você conseguirá efetivamente curtir o Jardín del Turia como se deve e ainda se sentir como um local. Como já acontece em várias cidades grandes, em Valência existe um serviço de aluguel de bicicletas self-service chamado de Valenbici com vários pontos espalhados pela cidade. Você pega uma bicicleta disponível em qualquer desses pontos e pode devolver em outro qualquer. No entanto, para usar o serviço é necessário pagar no mínimo o valor de €10 por semana, pois infelizmente não existe um valor diário. Para quem vai passar mais tempo na cidade, é bem em conta, mas para quem vai passear somente 1 dia como eu, não é tão barato assim, mas mesmo assim achei que valeu muito a pena. Outra vantagem do serviço é que não é necessário fazer nenhum cadastro prévio, portanto você pode se dirigir diretamente a máquina que fica ao lado das bicicletas e realizar o aluguel com seu cartão de crédito na hora. A pegadinha aqui é que não é em todos os pontos que o sistema permite você realizar essa operação, pois alguns só liberam as bicicletas para quem já realizou o aluguel previamente. Infelizmente o ponto que fica ao lado da Torre del Serranos é um desses, portanto tive que voltar até a praça da Catedral para conseguir alugar a minha. A máquina te fornece um código impresso, que serve de comprovante e também para você usar sempre que desejar pegar novamente a bicicleta. Após a confirmação da compra, a máquina te informa o número da bicicleta liberada, que estará destravada automaticamente. Na volta é só prender a bicicleta em qualquer ponto disponível que o próprio sistema reconhece automaticamente a sua devolução, não sendo necessário realizar nenhuma operação no sistema. Outra dica, é que a bicicleta vem também com um sistema de tranca manual que você pode usar quando desejar parar em qualquer ponto pelo caminho que tenha algum local para prender a bicicleta, bastando levar a chave com você.

Valência - Bicicletas Valenbisi

Enquanto estiver passeando de bicicleta, aproveite para apreciar a fachada do belo Palau de Música.

Valência - Palau de Música

Apesar de todas as belezas do centro histórico e grande cartão postal da cidade atualmente é sem dúvida a Ciudad de las Artes y las Ciencias. Esse complexo futurístico e cultural projetado por Santiago Calatrava, um dos mais famosos arquitetos do momento, é realmente impressionante! Essa enorme área ao final do Jardín del Turia conta com várias atrações interessantes, como o L’Oceanogràfic, um dos maiores aquários da Europa, o Museo de las Ciencias Príncipe Felipe, o Palau de les Arts Reina Sofia e um belo jardim. Infelizmente não tive tempo para entrar nessas atrações, principalmente no L’Oceanogràfic, que dizem ser o mais interessante do complexo, mas só apreciar essas construções do lado de fora e toda a arquitetura totalmente original do complexo já é uma experiência sensacional e um dos programas mais imperdíveis de Valência! A bicicleta também ajudou nos deslocamentos, já que o complexo é grande e é bem bacana observar tudo de vários ângulos diferentes. Recomendo!

Valência - Ciudad de las Artes y las Ciencias 1

Valência - Ciudad de las Artes y las Ciencias 2

Valência - Ciudad de las Artes y las Ciencias 3

Valência - Ciudad de las Artes y las Ciencias 4

Valência - Ciudad de las Artes y las Ciencias 5

Para encerrar esse artigo, uma dica gastronômica bem no centro histórico. O restaurante e bar Sagardi (calle San Vicente Mártir, 6), que é especializado na culinária vasca do norte do país. A filial de centro de Valência é focada nos famosos pintxos, que são definitivamente deliciosos! Cada um era mais gostoso do que o outro e a combinação de sabores era extraordinária! Todos custam o mesmo preço e possuem um palito bem no meio, que você via tirando e deixando no prato. Ao final a atendente conta o número de palitos para emitir sua conta. Além de gostoso e barato, também é uma ótima pedida para quem faz um bate-volta, pois é uma refeição.

Valência - Restaurante Sagardi

Valência - Restaurante Sagardi - Pintxos 1

Valência - Restaurante Sagardi - Pintxos 2

Esse foi o último post dessa nova série sobre a Espanha. Espero que vocês tenham gostado! Aguardem novos destinos em breve.


Acompanhe e curta também o Wazari no Facebook



Leia também:

Madri: Informações Práticas
Uma volta por Madri
Madri: onde comer
Madri, onde comer é um prazer
Atlético de Madrid: como é assistir a um jogo
Barcelona
Toledo
Segóvia
Salamanca

Anúncios
 
12 Comentários

Publicado por em Maio 5, 2013 em Espanha, Valência

 

Etiquetas: , ,