RSS

Bariloche: onde se hospedar

28 Jul

Bariloche era um destino que estava há muito tempo na nossa lista de desejos e por ser amplamente visitada e procurada pelos brasileiros todos os anos, era um dos pontos falhos aqui do blog. Agora não é mais! Nos próximos posts vou contar tudo sobre nossa passagem pela cidade e os principais passeios que realizamos com nosso filho, pois além de muito bonita, Bariloche é um destino para toda a família e as crianças adoram!

Bariloche_vista_cerro_campanario

Bem, eu sempre começo uma série sobre um destino com dicas básicas de planejamento, portanto essa não será diferente. Você pode chegar à cidade via a travessia dos lagos a partir do Chile, mas o mais comum é chegar de avião a partir de Buenos Aires ou outra cidade argentina. O aeroporto não é muito afastado e é bem tranquilo tomar um táxi até o seu hotel. O nosso ficava bem no centro e pagamos 150 pesos, mas existem hotéis mais afastados cuja corrida será mais cara.

O primeiro passo, portanto, é decidir onde se hospedar. Isso é essencial em qualquer cidade, especialmente em Bariloche. Existem 2 regiões bem distintas e que influenciam diretamente em sua experiência. Não existe certo ou errado, pois cada família tem uma necessidade ou gosto diferente, portanto o importante é saber as vantagens e desvantagens de cada tomar a decisão que melhor se adeque as suas necessidades.


A primeira região é o centro da cidade (marcada em verde no mapa), que fica nos arredores da Calle Mitre e Calle Moreno. Essa região é extremamente comercial e portanto ideal para quem gosta de sair do hotel e caminhar até um restaurante, chocolateria ou loja sem depender de qualquer tipo de condução, além de explorar atrações próximas, ou seja, fica um pouco mais independente. Só pegará algum tipo de transporte para os passeios. Existem hotéis de várias categorias e somente alguns oferecem uma vista do lago Nahuel Huapi, ou seja, são hotéis mais urbanos e normalmente sem grandes luxos ou glamour, com algumas exceções.

A segunda região é fica a oeste do centro da cidade e se estende ao longo da Avenida Exequiel Bustillo (marcada em vermelho no mapa). Nessa região ficam normalmente os hotéis mais luxuosos e românticos, muitos com um visual do lago. São normalmente indicados para quem está em lua-de-mel, ou deseja algo mais requintado. É nessa região que fica o Hotel Llao Llao, que é considerado o hotel mais luxuoso da cidade e de tão famoso, já virou até atração turística. O lado negativo é que você fica totalmente isolado, tudo é longe e você depende de condução para qualquer atividade, inclusive jantar. Nesse caso o ideal talvez seja alugar um carro para ficar mais independente.

Bariloche_Llao_Llao

Agora que você já sabe a diferença entre as regiões e pode decidir melhor, vou mostrar o hotel que escolhemos. Optamos por nos hospedar no centro e queríamos algo com uma boa infra, ao mesmo tempo bem localizado e sem grandes luxos. Escolhemos o Hotel Cristal, que fica localizado no coração da Calle Mitre, principal avenida comercial da cidade. Não nos arrependemos, pois além da ótima localização perto de tudo, o hotel é excelente.

Bariloche Hotel Cristal

Bariloche Hotel Cristal

Ele é antigo, mas está totalmente reformado e os quartos são bem confortáveis. O único lado negativo é que é o aquecimento, que é central e muito forte, portanto as vezes tínhamos que abrir a janela do quarto para amenizar o calor interno.

Bariloche Hotel Cristal

Bariloche Hotel Cristal

Bariloche Hotel Cristal

Destaque especial para os funcionários na recepção, que são extremamente simpáticos e prestativos. Outro grande diferencial do hotel é sua piscina interna no térreo com água climatizada, que é uma delícia para relaxar no final do dia após os passeios.

Bariloche Hotel Cristal

Bariloche Hotel Cristal

Bariloche Hotel Cristal

O hotel também conta com garagem gratuita para quem deseja alugar um carro, o que também não é comum nos hotéis do centro. O café da manhã era bom e tinha várias opções, mas eles demoram a repor os produtos que acabam. Nada que comprometa.

Bariloche Hotel Cristal

Bariloche Hotel Cristal

Bariloche Hotel Cristal

Depois de escolher sua opção de hospedagem, é hora de passear. Nos próximos posts vou contar tudo sobre todos os passeios que realizamos. Como você poderá ver, é necessário passar vários dias na cidade para conseguir fazer os passeios básicos e curtir Bariloche como se deve, portanto não é um destino para se passar pouco tempo. Nós ficamos 6 noites e mesmo assim faltou tempo para fazer alguns passeios interessantes. Aguardem!

Acompanhe e curta também o Wazari no Facebook

Leia também:

O que fazer em Buenos Aires – Centro
O que fazer em Buenos Aires – Outras regiões
Buenos Aires: Um show de tango
Buenos Aires: Onde comer
Buenos Aires com crianças

Anúncios
 
13 Comentários

Publicado por em Julho 28, 2014 em Argentina, Bariloche

 

Etiquetas: , , ,

13 responses to “Bariloche: onde se hospedar

  1. penaestradacomdonamaricota

    Julho 28, 2014 at 12:34 pm

    Estive recentemente com minha família em Bariloche e confirmo o que você disse: é uma passeio para toda a família e que as crianças ADORAM!!! E me pareceu um lugar ótimo pra visitar em qualquer época do ano pois é muito, muito bonito!
    Fiquei em um hotel no Lago, o Villa Huinid Pioneros. Amei!
    Registrei nossa viagem em alguns posts do nosso blog http://penaestradacomdonamaricota.wordpress.com/2013/09/12/bariloche-post-1-os-preparativos-voos-e-hotel/

     
  2. Claudia Luz

    Julho 28, 2014 at 5:07 pm

    Éxcelente o relato.
    Aguardo os próximos….

     
  3. Ana Paula

    Julho 29, 2014 at 1:00 pm

    Eu fui para Bariloche em 2006 na lua de mel. Vou voltar agora na próxima sexta-feira. Estou animada, pois passaram-se 8 anos e algumas coisas devem ter mudado por lá.
    Concordo com vc que a cidade é muito bonita e com muitas atrações para conhecer.
    Pena q só agora veio o relato do hotel. Fechei (pagando caro) com o Carlos V, mas talvez o Cristal seja melhor.
    Em 2006 ficamos no Três Reys, que é maravilhoso e tb fica no centro, mas de frente para o lago. Mas esse ano, estava lotado, e acho q custa mais caro que o Carlos V.
    Vou ler todos os posts!
    Ana Paula

     
    • Alessandro Ayres

      Julho 29, 2014 at 2:38 pm

      Ana Paula,

      Que pena que não vai dar tempo de postar muito coisa até você viajar, mas Bariloche continua linda e tenho certeza que vocês irão aproveitar bastante!
      Boa viagem e aproveite!!

      Abraços!

       
  4. Eduardo Barros Leal

    Fevereiro 6, 2015 at 2:33 pm

    Irei em 10/09/15 para Bariloche, e ficarei até 18/09/15, ficarei no hotel Kenton Palace, no centro, em frente ao Centro Cívico, viajarei sozinho, e já tenho alguns passeios encomendados, os mais tradicionais, como Cerro Catedral, Circuito Chico com Cerro Campanario, Cerro Tronador, San Martin de Los Andes e Caminhos de 7 Lagos, pretendo fazer um passeio para Puerto Varas no Chile, passeio de um dia completo, nesta época, primeira quinzena de setembro, será que encontrarei neve em Cerro Catedral ?
    Gostei muito do Blog, excelente para quem visita um país pela primeira vez, estive no Chile em setembro/14, e os blogs de viajantes foram de grande ajuda.
    Parabéns pelo trabalho.

     
    • Alessandro Ayres

      Fevereiro 9, 2015 at 5:30 pm

      Oi Eduardo,

      Nessa época é quase certo que você vai pegar neve e as estações costumam ficar abertas até o final de setembro.

      Abraços!

       
  5. Tathiana Crivano

    Maio 22, 2015 at 8:52 am

    Oi Alessandro, bom te reencontrar novamente. Li bastante suas dicas quando fui com a família para EUA e agora comecei a ler as dicas para Bariloche. Estava super na dúvida sobre ficar no Cacique Inacayal, que indicaram bastante e fica no Centro, e o Villa Hunid que fica na Bustillo. Pelo o que entendi sua orientação e ficarmos no Centro, a não ser que aluguemos carro. É isso? Melhor é ficar no Cacique Inacayal? Obrigada

     
    • Alessandro Ayres

      Maio 22, 2015 at 10:40 am

      Oi Tathiana,

      Muito bacana te reencontrar! Espero que esteja tudo bem com você!
      Eu não conheço o Cacique Inacayal, mas é isso mesmo que você comentou. Eu indico mais os hotéis no Centro pela independência do carro, já que existem vários restaurantes e lojas a alguns passos de distância. Também é mais fácil para pegar os transportes públicos. Os hotéis da Bustillo costumam ser mais chiques e românticos, até mesmo por serem mais isolados e terem o visual do lago, mas eu ainda prefiro o Centro. Só iria para a Bustillo se fosse uma viagem de lua-de-mel.

      Abraços!

       
  6. Eduardo Barros Leal

    Agosto 27, 2015 at 12:33 pm

    Irei para Bariloche em 10/09/15, e retornando para Fortaleza em 18/09/15, espero encontrar neve em Cerro Catedral, ano passado, na mesma época, tive a sorte de chegar ao Valle Nevado e estar nevando, espero o mesmo de Bariloche, já tenho acertados os seguintes passeios:
    Cerro Catedral, Circuito Chico, com ingresso ao Cerro Campanário, passeio ao Cerro Tronador e visita ao Parque Nacional Nahuel Huapi, passeio a San Martins de los Andes X Caminhos de 7 Lagos, como vou ficar 8 dias, que outro passeio me sugere /
    Pretendo ficar um dia conhecendo a cidade.
    Detalhe, sou de Fortaleza, aqui está 29 graus centígrados, e viajo sozinho.

     
    • Alessandro Ayres

      Setembro 9, 2015 at 9:48 am

      Oi Eduardo,

      Recomendo e Cerro Otto e o passeio pelo lago até Puerto Blest.

      Abraços!

       
  7. Eduardo Barros Leal

    Novembro 27, 2015 at 2:41 pm

    Fiz a tão esperada viagem a Bariloche e posso dizer, de zero a dez, dou um DEZ com LOUVOR, a cidade é linda e acolhedora, os passeis que fiz, Cerro Catedral, Caminho dos Sete Lagos, Cerro Campanário e outros passeios superaram as minhas espectativas, o frio gostoso da cidade e região dos lagos, tive a felicidade de apreciar a neve caindo em Cerro Catedral, tive um pequeno contratempo por conta do transfer no aeroporto de Bariloche, o guia não apareceu, mas reparou o erro, enfim minhas férias foram inesquecíveis.

     
    • Alessandro Ayres

      Novembro 27, 2015 at 3:46 pm

      Oi Eduardo,

      Que maravilha! Muito bom quando a viagem supera as nossas expectativas e conseguimos aproveitar bastante. Ainda bem que você gostou! Bariloche também superou nossas expectativas quando fomos!

      Abraços!

       
  8. Erika Moraes

    Junho 18, 2016 at 11:23 am

    Querido Alessandro,
    Estou saindo de férias com as crianças ( 7 e 13 anos ) a caminho de Bariloche e gostaríamos de tentar associar os passeios tradicionaisa uns dias esquiando….
    Você acha possível?? Vi uma casa para locação no Airbnb ( na região de Bariloche Lake Shore ), mas não consigo me situar se são próximos os eventos de City tour e a estação de esqui! Como vamos em nenhuma agência, e com as crianças não gostaria de “dar nenhum fora”…. Não tenho visto nenhum comentário sobre esses passeios simultaneamente, o que me passa a impressão de serem muito longos…. Isso é fato??
    Obrigada !!
    Abraços a todos que dividem suas dúvidas e experiências!!

     

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: