RSS

Arquivo da Categoria: Buenos Aires

Buenos Aires: Onde comer

Para encerrar essa série sobre Buenos Aires, essa viagem com a Royal Holiday nos reservou boas surpresas gastronômicas! A cidade tem uma gama muito grande de ótimos restaurantes dos mais variados tipos de culinária e a nossa querida guia Andréa Hernandez fez questão que experimentássemos uma boa variedade deles. Ela nos levou em excelentes restaurantes em vários pontos da cidade, sendo a maioria frequentado somente por locais. A única parte ruim foi os quilinhos a mais na volta!! :mrgreen:

Para começar essa orgia gastronômica, nada melhor do que iniciar com o prato mais típico argentino: a carne. Para experimentarmos essa iguaria local, fomos até o excelente La Fonda del Polo (Baez 301) no bairro de Las Cañitas, especializado em parrilhas. Pedimos o famoso bife de chorizo com papas fritas, que estava macio e suculento!

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

A sobremesa nos reservou também ótimas surpresas! Como queria algo com o famoso doce de leite argentino, pedi um brownie com sorvete com cobertura de doce de leite e nozes. Que delícia! As outras sobremesas também estavam bonitas e gostosas!

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Para curtir as maravilhosas carnes argentinas, recomendo também os restaurantes La Caballeriza, com um ótimo custo-benefício, e o La Cabaña Las Lilas, que é bem caro, mas cujo sabor da carne é divino.

No dia seguinte aproveitamos o nosso passeio por San Telmo para experimentar um restaurante de culinária catalã: o El Casal de Catalunya (Chacabuco 863). Essa é uma casa dedicada à cultura catalã e fica um pouco escondida, mas vale muito a pena!


Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Não se assuste com os preços do cardápio, pois os pratos são muito fartos e servem várias pessoas. É importante sempre perguntar para o garçom antes de pedir. Ainda assim é caro, mas a qualidade da comida é sensacional! Os pratos demoram um bocado para serem preparados, portanto pedimos algumas entradas para apaziguar a fome, como essas lulas suculentas e uma tradicional tortilla espanhola! Sensacionais!


Buenos Aires Restaurante Comida

Lula frita

Buenos Aires Restaurante Comida

Tortilla



Para o prato principal, pedimos a especialidade da casa, o famoso cochinillo, que é o porquinho assado por inteiro e bem tradicional na Espanha. Ele demora, mas garanto que o sabor recompensará toda a espera. Foi uma das melhores coisas que já comi na vida! Ele chega inteiro à mesa e a carne é tão macia, que o garçom corta tudo com um prato. É isso mesmo, não precisa de faca! Dá um certo nervoso ver aquele porquinho inteiro com cabeça e tudo sendo cortado, mas é muito bom! O prato serve 6 pessoas tranquilo! Veja o vídeo e as fotos.


Buenos Aires Restaurante Comida

Cochinillo

Buenos Aires Restaurante Comida

Corte do cochinillo

Buenos Aires Restaurante Comida

Cochinillo com batatas

Buenos Aires Restaurante Comida

Filé de peixe



Para quem curte comida fusion, Buenos Aires também tem uma boa opção: o Quimbombó (Costa Rica 4562). Ele fica em Palermo e tem um ambiente bem transado. Existem poucas opções de pratos com carne, já que o foco é mais vegetariano, mais ainda sim tem um frango teriyaki, cordeiro e salmão. Os sucos são muito bons, com várias opções bem originais e refrescantes.

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

Entrada com queijo camembert

Buenos Aires Restaurante Comida

Frango Teriyaki

Buenos Aires Restaurante Comida

Salmão

Buenos Aires Restaurante Comida

Cordeiro

Buenos Aires Restaurante Comida

Risoto de funghi com brie


Para encerrar essa orgia, fechamos com um italiano. O La Parolaccia (Alicia Moreau de Justo 1052) fica em Puerto Madero, mas tem também filiais em San Isidro, Belgrano e Barrio Norte.

Buenos Aires Restaurante Comida

Buenos Aires Restaurante Comida

É um clássico restaurante italiano com várias opções de massas, todas bem gostosas. Para sobremesa, recomendo o tradicional Tiramisu, que é bem molhadinho e leve e estava uma delícia!

Buenos Aires Restaurante Comida

Entrada

Buenos Aires Restaurante Comida

Gnocchi aos 4 queijos

Buenos Aires Restaurante Comida

Massa de presunto com queijo

Buenos Aires Restaurante Comida

Brownie

Buenos Aires Restaurante Comida

Tiramisu


Além dessas opções, um ótimo restaurante de cozinha internacional é o Sorrento, com filiais em Puerto Madero, Posadas e no Centro (Avenida Corrientes). Infelizmente não tenho fotos dos pratos para ilustrar, mas recomendo!

Para mais dicas de restaurantes em Buenos Aires, não deixe de consultar o excelente Guia Óleo, que é considerado um dos melhores guias da cidade.

Afinal, Buenos Aires é uma delícia!

Leia também:

O que fazer em Buenos Aires – Centro
O que fazer em Buenos Aires – Outras regiões
Buenos Aires: Hotel Panamericano
Buenos Aires: Um show de tango
Encontro de blogueiros
A caminho de Cozumel

 
 

Etiquetas: , ,

Buenos Aires: Um show de tango

Para mim, um dos programas imperdíveis de Buenos Aires é assistir a um belo espetáculo de tango. Eu sei que é caro e turístico, mas mesmo assim acho que vale muito a pena! Os shows são super bem produzidos e existem várias opções pela cidade, bastando escolher uma. Essa é uma tarefa difícil, por isso vou dar aqui algumas recomendações.

Nessa viagem a Royal Holiday nos levou para assistir o excelente Tango Porteño. A escolha não poderia ter sido melhor, já que foi o melhor espetáculo que já assistimos na cidade. Ele fica bem ali na Avenida 9 de Julio, bem perto do obelisco e em frente ao Hotel Panamericano em que ficamos hospedados, ou seja, foi só atravessar a rua. Mais cômodo impossível!

Buenos Aires show de tango

Buenos Aires show de tango

A casa é grande e me pareceu que a visibilidade de todas as mesas eram boas. A maioria dos shows já inclui o jantar no preço do ingresso e portanto acabamos jantando lá mesmo. Os espetáculos também oferecem a opção de só assistir o show por um preço mais em conta. Atualmente o ingresso com janta na platéia está custando 390 pesos (cerca de R$170). Você recebe um cardápio com 2 opções de entrada, prato principal e sobremesa. No todo, achei a qualidade da comida muito boa. A única exceção foi a sobremesa, mas quem escolheu a outra opção disse que estava melhor.

Buenos Aires show de tango

Empanada de carne (entrada)

Buenos Aires show de tango

Bife de chorizo

Buenos Aires show de tango

Sobremesa


O show é excelente, os cenários bem feitos e os dançarinos dão um show. O casal principal dança muito, tendo até uma cena onde ela dança de olhos vendados e é praticamente arremessada até o outro lado do palco. Entre as danças eles reproduzem cenas famosas do tango no cinema e televisão em um telão que desce sobre o palco. Tudo de muito bom gosto!

Buenos Aires show de tango

Buenos Aires show de tango

Buenos Aires show de tango

Buenos Aires show de tango

Outra parte interessante do show é quando uma dançarina entra com uma espécie de boneco a tiracolo. Ela o controla com um dos braços e os movimentos são tão bem feitos que parece realmente um casal dançando tango. Muito interessante e original!

Buenos Aires show de tango

No final eles ainda colocam todos os casais para dançar em uma espécie prédio com janelas. Outra cena muito bem bolada!

Buenos Aires show de tango

Além desse espetáculo, existem outros muito bons pela cidade. Eu também já fui no Esquina Carlos Gardel, em homenagem ao famoso dançarino, e o show foi bastante interessante e bonito. É um pouco menor e mais intimista, mas um show que também recomendo.

Buenos Aires show de tango

Um dos shows mais famosos é o Señor Tango, que é um espetáculo bem grandioso a la Broadway. Todas as pessoas que conheço que já assistiram a esse show gostaram bastante e recomendam. Fica portanto a dica!

Leia também:

O que fazer em Buenos Aires – Outras regiões
O que fazer em Buenos Aires – Centro
Buenos Aires: Onde comer
Buenos Aires: Hotel Panamericano
Encontro de blogueiros
A caminho de Cozumel

 
7 Comentários

Publicado por em Novembro 10, 2010 em Argentina, Buenos Aires

 

Etiquetas: , , , ,

O que fazer em Buenos Aires – Outras regiões

Continuando nosso tour por Buenos Aires, vamos agora visitar as regiões ao sul e norte do centro.

Ao sul se encontra o tradicional bairro La Boca, que é a região mais pobre, mas uma das mais visitadas pelos turistas. Lá se encontram 2 das grandes atrações turísticas da cidade. A primeira é o estádio do Boca Juniors, time tradicional e muito popular devido ao seu maior ídolo e torcedor: o Maradona. O estádio é conhecido como o “La Bombonera”, por ser bem pequeno e as arquibancadas verticais, lembrando uma caixa de bombons. Para quem gosta de futebol, acho a visita imperdível, pois apesar de não ser tão bonito esteticamente, conta pelo lado histórico. Além disso, você ainda passa pelo museu do Boca, que não é grande, mas está bem organizado e bonito. Uma curiosidade é que reza a lenda que o time do Boca perdeu o direito de usar as suas cores em um jogo contra outro time local e ficou decidido que eles usariam as cores da bandeira do primeiro barco que ancorasse no dia seguinte no porto. Como o barco era da Suécia eles adotaram o azul e amarelo da bandeira desse país. Hoje são tão fanáticos por suas cores que até a coca-cola, patrocinadora do clube, teve que pintar o seu logo em preto e branco no estádio, já que o vermelho e branco tradicional representa as cores do maior rival: o River Plate.

Buenos Aires Boca Juniors Bombonera

Rua do estádio do Boca Junior

Buenos Aires Boca Juniors Bombonera

Estádio La Bombonera

Buenos Aires Boca Juniors Bombonera

Brasileiros subindo na grade do La Bombonera (se perguntar se sou eu, eu nego!!)

Buenos Aires Museu do Boca Juniors Bombonera

Museu do Boca Juniors

Buenos Aires Museu Boca Juniors Bombonera

Museu do Boca Juniors


A outra atração é o Caminito, que consiste em antigas casas de madeira coloridas, formando um cenário bastante curioso e fotogênico. Por ser uma região de porto e pobre, as casas eram pintadas com as tintas que sobravam da pintura dos barcos, independente da cor. Assim foi surgindo um festival colorido que hoje virou ponto turístico. O bairro tem agora muitas lojas e nos últimos anos eles construíram vários restaurantes e bares na região, dando um ar bem mais agradável. Achei bacana o clima dos restaurantes com mesas na rua e casais dançando tango, apesar de bastante turístico.

Buenos Aires caminito

Buenos Aires caminito

Buenos Aires caminito

Buenos Aires caminito

Buenos Aires caminito bar

Bar de Blues no El Caminito


Bem ali perto se encontra o bairro de San Telmo, muito famoso pelas suas lojas de antiguidade e pela feira que acontece todo os domingos, que acabam lotando as ruas do bairro. Eu não curto muito antiguidades, mas se você gosta, esse é o local!

Buenos Aires San Telmo

Buenos Aires San Telmo

Seguindo pela região norte você se depara com o bairro da Recoleta, muito famoso pela sua badalação. É um bairro bem agradável para se caminhar e curtir e sua vida noturna, que é bem agitada, com vários bares e danceterias. O cemitério também é um passeio turístico famoso, já que lá se encontra o túmulo da Evita Perón, que é considerada uma heroína na história do país. Além desse atrativo, o cemitério é bastante limpo e bonito, com vários monumentos interessantes. Eu particularmente não gosto de visitar cemitérios, mas gostei desse! Para quem gosta de artesanato, tem também uma feirinha bem em frente ao cemitério nos finais de semana.

Cemitério da Recoleta

Cemitério da Recoleta

Buenos Aires Recoleta

Buenos Aires Recoleta

Buenos Aires Recoleta

Buenos Aires RecoletaBuenos Aires Recoleta

Seguindo na direção de Palermo você passa pela Plaza de Las Naciones Unidas, um parque bonito com vários monumentos expostos a céu aberto, entre eles a famosa Floralis, que é uma flor metálica gigante com um mecanismo elétrico que abre e fecha suas pétalas de acordo com hora do dia. Bastante original e interessante e já se tornou um dos cartões postais da cidade.

Buenos Aires Plaza de Las Naciones Unidas

Mais adiante está o belo Museu Malba (Museu de Arte Latino-americana de Buenos Aires), construído em 2001 para abrigar a coleção particular de arte latino-americana do milionário argentino Eduardo Constantini. O design do prédio do museu já é do muito bom gosto e é impressionante a quantidade de obras importantes expostas. Só do Brasil é possível admirar o famoso e caríssimo quadro “Abaporu”, da Tarsila de Amaral, e também obras de Di Cavalcanti e Candido Portinari. A mexicana Frida Kahlo também se faz presente, assim como seu companheiro Diego Rivera e o designer Phillippe Starck.

Buenos Aires Museu Malba

Buenos Aires Museu Malba

Buenos Aires Museu Malba

Já chegando a Palermo, você se depara com duas áreas abertas interessantes. O primeiro é o Jardim Japonês, que como o próprio nome já diz, é um belo jardim baseado na cultura oriental e que já virou ponto turístico. Você tem que pagar para entrar. Logo ao lado está os Los Bosques de Palermo, uma área verde bem grande que funciona como área de lazer dos argentinos para passear de bicicleta, andar, correr e praticar esportes em geral. É uma região que lembra muito o parque do Ibirapuera em São Paulo.

Buenos Aires Jardim Japonês

Jardim Japonês (foto: http://www.buenosaires.travel)

Buenos Aires Bosques de Palermo

Los Bosques de Palermo (foto: http://www.planeteye.com)


Dali você pode partir para conhecer os transados bairros de Palermo Soho e Palermo Hollywood, que são também os bairros da moda no momento. O primeiro é mais elegante, com várias lojas, bares e restaurantes e belas calçadas para passear. Em Palermo existem vários restaurantes bons para aproveitar e a região ferve a noite.

Depois desse giro rápido pelas principais atrações de Buenos Aires, chegou a hora de matar a fome, mas isso fica para os próximos posts.

Leia também:

O que fazer em Buenos Aires – Centro
Buenos Aires: Onde comer
Buenos Aires: Um show de tango
Buenos Aires: Hotel Panamericano
Encontro de blogueiros
A caminho de Cozumel

 
4 Comentários

Publicado por em Novembro 8, 2010 em Argentina, Buenos Aires

 

Etiquetas: , ,