RSS

Tulum e Akumal: onde praia e cultura se misturam

22 Ago

Para finalmente encerrar o relato sobre nossa viagem do início ano, aproveitamos a nossa estadia em Playa del Carmen para fazer um passeio que tinha ficado faltando na nossa primeira visita ao México: Tulum. Essa antiga cidade maia à beira-mar fica localizada a um pouco mais de 60 Km ao sul de Playa, portanto é bem rápido chegar lá. Aliás, essa é uma vantagem de se hospedar em Playa, pois você fica em uma localização bem central e perto de quase todas as principais atrações da região. Fomos até lá de carro alugado e demoramos em torno de 50 minutos, sendo que a estrada é muito boa e não tivemos problema nenhum para encontrar o caminho. O estacionamento é bem grande e pago, portanto você não precisa se preocupar em arranjar vaga.


Uma vez lá, a primeira grande dica é que para entrar na cidade antiga é necessário pagar seu ingresso em pesos mexicanos em espécie, já que por serem controlados pelo governo, eles não aceitam dólares ou cartões de crédito. Se você não tiver pesos, como eu, não se desespere, pois no pequeno shopping que existe ao lado do estacionamento existem caixas automáticos onde você pode sacar dinheiro vivo com seu cartão bancário. Por isso é sempre importante habilitar essa função junto ao seu banco antes de cada viagem, o que pode ser feito até pela internet em alguns bancos, pois nunca se sabe quando você irá precisar. Nesse dia foi a minha a salvação, pois teria que voltar até Playa para conseguir dinheiro, ou então negociar com algum comerciante o câmbio de dólares, que com certeza seria bem desvantajoso.

Bem, em seguida você tem que se dirigir até o sítio arqueológico, só que ele fica a mais de 1 Km de distância do estacionamento dos carros e ônibus. Nesse caso você tem 2 opções: caminhar ou pegar um trenzinho pago que te deixa na bilheteria principal e depois te leva de volta até o estacionamento. Como estava um sol de rachar e estávamos com nosso filho, não pensamos duas vezes e optamos pelo trenzinho.

Tulum - Trenzinho

Depois de uma fila bem grande na bilheteria, já que era alta temporada, chegamos finalmente nas ruínas da antiga cidade murada, que já foi um importante porto comercial da civilização maia antes de sua dominação pelos espanhóis. Sua localização privilegiada à beira-mar é realmente um de seus grandes diferenciais em relação ao outros sítios arqueológicos, pois mesmo quem não curte tanto visitar esse tipo de atração não tem como ficar indiferente a visão das ruínas com aquele mar azul ao fundo. É simplesmente sensacional!

Tulum

Independente do mar, as ruínas em si são bem interessantes e a cidade tem um tamanho razoável. As crianças costumam ficar bastante curiosas para entender o que são as ruínas e como elas foram parar ali, além de se divertirem passando nos corredores e arcos entre as construções. Costuma fazer bastante calor e como é tudo aberto e sem nenhuma sombra para amenizar, é importante levar uma água para se hidratar durante o passeio. É muito interessante observar como viviam essa antiga civilização, principalmente as ruínas mais bem conservadas.

Tulum - ruínas

Tulum - ruínas

Tulum - ruínas

Tulum - ruínas

Tulum - ruínas

Depois de passear pelo sítio, nada melhor do que se refrescar naquele mar azul gostoso. Dentro do sítio mesmo tem uma escada que dá acesso à praia de areias brancas, que é simplesmente sensacional! Poder curtir uma praia com aquele visual das ruínas é uma experiência marcante e bem diferente. As crianças se divertem bastante!

Tulum - Praia

Tulum - Praia

Tulum - Praia

Depois de curtir a praia, demos mais uma volta pelas ruínas e pegamos o trenzinho de volta até o carro. No caminho de volta até Playa, paramos primeiro no restaurante Oscar & Lalo para comer. Não tínhamos nenhuma indicação sobre o lugar e paramos simplesmente pelas propagandas na estrada, mas não nos arrependemos, pois o ambiente é super agradável e a comida boa, apesar de turístico. Na parte externa existem mesas que ficam embaixo de umas cabanas, sendo um local bem gostoso para comer em um dia com tempo bom. A comida não tinha nada de especial, mas gostamos mesmo assim. Para quem viaja com crianças, eles contam até com alguns brinquedos para elas se divertirem, além de um macaquinho de estimação.

Tulum_Oscar_Lalo_1

Tulum_Oscar_Lalo_1

Tulum_Oscar_Lalo_1

Tulum_Oscar_Lalo_1

Tulum_Oscar_Lalo_1

Tulum_Oscar_Lalo_1

Depois de repor as energias, partimos para a última atração do dia: Praia de Akumal. Essa praia fica bem no meio do caminho entre Playa e Tulum, portanto é uma excelente opção para combinar com o passeio até as ruínas. A grande atração ali são as tartarugas gigantes que nadam bem próximo a costa, portanto é um excelente local para mergulho. Assim como em algumas regiões do Brasil, a área é de proteção ambiental e você tem que seguir uma série de regras e respeitar o ambiente. Na chegada à praia fomos convidados por um biólogo local a assistir a um vídeo no centro de preservação para entendermos as regras. Em seguida aluguei o material para mergulho (colete, snorkel e pé-de-pato) em uma das barracas na areia e fui nadar para procurar as famosas tartarugas, o que não demorou muito. Realmente elas são gigantes e muito bacanas de se observar. Infelizmente não tenho nenhuma foto delas para postar! Além disso, a praia em si é muito bonita e foi muito agradável passar lá o final de tarde.

Akumal 1

Akumal

Akumal


Acompanhe e curta também o Wazari no Facebook



Leia também:

Playa del Carmen
Playa del Carmen: Hotel Ibertostar Tucán
Cancun – Informações Úteis
Cancun – Xcaret
Cozumel
Cancun – Ano Novo
Cancun – Final

Anúncios
 
6 Comentários

Publicado por em Agosto 22, 2013 em México, Tulum

 

Etiquetas: , , ,

6 responses to “Tulum e Akumal: onde praia e cultura se misturam

  1. Maysa Alexandrino

    Agosto 22, 2013 at 10:30 am

    Olá!
    Vou para o México no primeiro semestre do ano que vem e Tulum definitivamente é um dos passeios que incluí em meu roteiro.
    Legal saber que é tranquilo ir de carro.
    Bjos

     
    • Alessandro A.

      Agosto 22, 2013 at 12:06 pm

      Oi Maysa,

      Pode ir tranquilo que você irá adorar!

      Abraços!

       
  2. Sueli juriolli

    Setembro 14, 2013 at 3:54 pm

    Vc podia ter colocado o preço do trenzinho e da entrada na cidade antiga! Fica a dica, e parabéns pelo excelente relato!

     
    • Alessandro A.

      Setembro 16, 2013 at 12:39 pm

      Oi Sueli,

      Eu fazia isso antigamente em todos os posts, mas percebi que os preços ficavam rapidamente desatualizados e já tive leitores reclamando que o preço estava errado. Como não tenho como ficar acompanhando o preço das atrações, agora eu prefiro indicar o site oficial para que os próprios leitores vejam o preço mais atualizado.

      Abraços!

       
  3. Manuella

    Dezembro 4, 2014 at 7:05 pm

    Olá! Vou agora em fevereiro para Riviera e pretendo conciliar a ida a Tulum com outro passeio. Quanto tempo você gastou em Tulum? Obrigada e parabéns pelo blog.

     
    • Alessandro Ayres

      Dezembro 4, 2014 at 11:22 pm

      Oi Manuella,

      Eu passei apenas uma manhã por lá. Até passaria mais tempo na praia se tivesse alguma infra para comer, mas infelizmente não tem, o que por outro lado garante a preservação e a beleza do local.

      Abraços!

       

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: