RSS

Restaurantes em Santiago

18 Maio

Quando estava programando a minha viagem para Santiago, eu já sabia que a escolha dos restaurantes seria uma das tarefas mais difíceis, pois existem muitas opções boas. Santiago é uma cidade com bastante tradição em frutos do mar e naturalmente os melhores restaurantes seguem essa linha, mas também existem outras opções boas para quem não é muito chegado.

Depois de pesquisar muito, selecionamos os que mais nos agradavam e partimos para o corte final (com muita pena!!!). Como iríamos fazer somente 4 refeições na cidade, tivemos que escolher bem para não errar e não nos decepcionar. Focamos na especialidade local, pois adoramos peixes e frutos do mar.

Bem, vamos ao que interessa! O primeiro restaurante do nosso tour gastronômico foi o almoço no Azul Profundo (Calle Constitución, 111) no bairro de Bellavista bem na esquina com a calle Dardignac.

IMG_3041

IMG_3039

É um restaurante de frutos do mar conhecido com paredes azuis e toda a decoração lembrando o fundo do mar. O ambiente é bem agradável e informal e a comida também. Uma das curiosidades do local é a porta para os banheiros, que lembram a de um submarino azul. 🙂

IMG_3035

O couvert é gratuito, como na maioria dos restaurantes da cidade, e era composto por pães, manteiga e molho. Pedimos também umas empanadas de camarão de entrada (muito boas!).

IMG_3030

Para beber fui no Pisco Sour (veja foto acima), que é uma bebida tradicional a base de pisco, uma aguardente peruana feita da uva. A bebida também contém suco de limão, clara de ovo e açúcar, lembrando muito a nossa caipirinha, mas mais doce. Que delícia!!! Não preciso nem falar que essa foi a minha bebida durante o restante da viagem e recomendo que todos experimentem.

Para o prato principal, resolvemos dividir um mix de pescados para dois, que vinha com 4 tipos de peixe (salmão, linguado, tubarão e corvina), acompanhados de batata assada, creme de espinafre e tomate.

IMG_3033

O filé de tubarão é um pouco mais encorpado que os outros e tudo estava uma delícia. Pagamos em torno de 26.000 pesos (R$ 100).

A nossa próxima experiência foi no restaurante Mare Nostrum (La Concepcion, 281), que fica no bairro da Providência muito próximo ao nosso hotel.

IMG_3086

Nessa mesma rua fica um restaurante mais famoso que se chama Aquí está coco, mas infelizmente o mesmo pegou fogo no passado e ainda não reabriu as portas.

O ambiente do Maré Nostrum é um pouco mais formal e não tem nada de especial na decoração, mas a comida e serviços são bons. Infelizmente me esqueci de tirar fotos dos pratos, mas pedimos uma massa de frutos do mar e um linguado com frutos do mar grelhados. A comida estava boa e o pisco sour foi o melhor que tomei. Gastarmos 26.800 pesos (R$ 103).

No dia seguinte fomos almoçar no tradicional Mercado Central, mais precisamente no restaurante Donde Augusto.

IMG_3103

Esse é um restaurante tradicional de frutos do mar e bem turístico. Quando você chega os garçons ficam te empurrando uma mesa e você acha que está entrando em uma furada. Apesar do clima turistão e da comida não ser do mesmo nível de outros restaurantes, vale como uma atração turística a ser experimentada.

O couvert é simples e também é gratuito…

IMG_3094

Pedimos de entrada umas empanadas de camarão com queijo, que são muito boas, só que só chegaram depois da comida, ou seja, não teve nada de “entrada”. De qualquer forma, recomendo-as.

Como prato principal, resolvemos não arriscar e ficar no linguado, mas existem diversas opções de frutos do mar diferentes para serem experimentados, caso você esteja disposto a gastar um pouco mais. O prato tradicional é a famosa centolla , que é um caranguejo gigante muito comum no Chile.

IMG_3100IMG_3105

Depois que o bicho tira as famosas fotos para posteridade, o garçom começa a cortá-lo todo e servir no prato a carne já prontinha para comer.

IMG_3107IMG_3106

Para quem quiser, fica aí a dica. No final gastamos um pouco mais de 24.000 pesos (R$ 92).

Como a nossa experiência gastronômica tinha que terminar com chave de ouro, fomos jantar no último dia no famoso restaurante Como água para chocolote (Calle Constitución, 88), que fica em Bellavista quase em frente ao Azul Profundo. Ele é baseado no filme mexicano de mesmo nome tem ambiente super charmoso e romântico.

IMG_3127

Se você quiser uma refeição romântica, esse é o restaurante! É bom fazer reserva, pois fica cheio. Como não tínhamos feito reserva, chegamos cedo e pegamos um mesa no mezzanino, o que foi bacana para ter um visual completo do restaurante. A decoração lembra uma pequena vila mexicana, com uma pequena fonte e tudo.

IMG_3129

O couvert vem com pedaços de pão e uma pasta de ervas finas.

IMG_3130

Para o prato principal, pedimos um congro gratinado (Congrio Almendrado al Gratén)

IMG_3135

E um linguado flambado com arroz criollo (não lembro do nome original do prato). O linguado vem abafado em um papel alumínio e a garçonete faz um pequeno show…

IMG_3133

IMG_3137

Ambos sensacionais! Eu comi o congro e posso afirmar que foi um dos melhores que já comi na vida!

De sobremesa, pedimos fondue de chocolate com frutas.

IMG_3140

Como bom chocólotra, devo admitir que o chocolate não tinha nada de especial, mas foi um bom fechamento para essa refeição maravilhosa. A conta foi 28.500 pesos (R$ 110).

Além desses restaurantes, segue uma lista de alternativas bem indicadas e que faziam parte da nossa lista original, mas que infelizmente não pudemos degustar:

Frutos do mar
Aqui está coco (Calle La Concepción 236)
Mestizo (Av. Del Bicentenario, 4050)

Peruano
Astrid y Gastón (Av. Antonio Bellet 201)
La Mar Cebicheria (Av Nueva Costanera 3922)

Italiano
Nolita (Isidora Goyenechea, 3456)

Carnes
Patagonia (José Victorino Lastarria, 96)
Ponle Cacao (Calle Francisco Bilbao, 505, Providencia)

Diversos
BordeRio (Av. San Jose María Escrivá de Balaguer Nº 6.400 • Vitacura) – complexo com restaurantes de vários tipos
Gatopardo (José Victorino Lastarria, 192) – Buffet

Outros posts da viagem a Santiago:
Santiago – Chegada
Como andar em Santiago
Santiago – Passeando pelo centro
Santiago – Outros passeios

Anúncios
 
19 Comentários

Publicado por em Maio 18, 2009 em Chile, Restaurantes, Santiago

 

Etiquetas: , , , , ,

19 responses to “Restaurantes em Santiago

  1. Carol Wieser

    Maio 20, 2009 at 1:17 pm

    Ping, Ping!
    Este post me deu água na boca!!
    E o que é aquele caranguejo?????
    Nossa, dá pra família inteira comer;)

    Ótimo Blog, parabéns.

    Abraços

     
    • Alessandro

      Maio 20, 2009 at 3:10 pm

      Carol, quando eles esticam a centolla para a foto, você não acredita no tamanho do bicho! É realmente impressionante! 🙂
      Obrigado pela visita.

       
  2. Marcos

    Maio 28, 2009 at 3:40 pm

    Alessandro,
    Parabéns pelo blog!!!!
    Está muito legal.
    Tá parecendo um guia profissional para viagens, hehe.
    As fotos estão muito lindas.
    Abração!

     
    • Alessandro

      Maio 29, 2009 at 9:29 am

      Valeu Marcos!!!

       
  3. Marcia

    Dezembro 18, 2009 at 2:06 am

    Prezados, adorei a dica de vocês! Mas eu tenho uma dúvida: o preço que você indica é por pessoa ou é o valor total para duas pessoas?

     
    • Alessandro A.

      Dezembro 18, 2009 at 11:06 am

      Marcia, os valores são para 2 pessoas.

       
  4. aline

    Julho 30, 2011 at 10:44 pm

    Oi Alessandro,
    Adorei as dicas,mas estou num dilema se compramos pesos aqui na minha cidade em poa ou compro em santiago e quanto devo comprar!!
    obrigado

     
    • Alessandro A.

      Julho 31, 2011 at 6:58 pm

      Oi Aline,

      O ideal é ter um pouco apenas para pegar o táxi do aeroporto, mas talvez você não encontre os pesos aqui no Brasil, portanto você pode fazer o câmbio assim que desembarcar, ou sacar dinheiro nos caixas automáticos com seu cartão de débito, que é a melhor opção.

      Abraços!

       
  5. Lorena

    Setembro 17, 2011 at 6:20 pm

    Alessando, parabens pelo blog! Quando chego em algum lugar, nunca deixo de sempre levar um diario de bordo.. mas, mesclar fotos aos comentários realmente fica “superb”!! Parabéns, esse blog é demais!

     
    • Alessandro A.

      Setembro 18, 2011 at 8:06 pm

      Obrigado Lorena! Volte sempre!

       
  6. Kátia Silveira

    Setembro 25, 2011 at 6:13 pm

    Oi Alessandro, como assim usar cartão de débito? do Brasil? não entendi.
    Antes que me esqueça, adorei as dicas, irei agora dia 11 de outubro e achei as fotos bárbaras. Obrigada
    Kátia

     
    • Alessandro A.

      Setembro 26, 2011 at 10:15 am

      Oi Kátia,

      É isso mesmo. Você pode habilitar no seu banco o serviço de saque internacional pelo período de sua viagem, assim com o seu próprio cartão de débito é possível sacar dinheiro em qualquer caixa automática que tenha a bandeira do seu cartão (Visa Plus, Cirrus, Maestro, etc..). A taxa de conversão é calculada na hora de acordo com o câmbio do dia e o valor é debitada diretamente da sua conta no Brasil. Existe um limite por dia, que varia de banco para banco, mas deve girar em torno de uns US$300. O bom é que você sempre saca na moeda local do país.

      Abraços!

       
      • Feliciano Menezes Filho

        Novembro 2, 2011 at 7:23 pm

        Alessandro.
        Teu Blog é tri!!!
        Quando falas “pouco prá pagar um taxi” a quanto te referes?
        Como sugestão quanto achas que deve se dispor para gastar durante um dia sem compras adicionais, me refiro a almoço/jantar para dois, água, metrô coisas do gênero?
        Tens referências a barzinhos na noite?
        Vamos (casal) agora findi novembro.
        Abraços .
        Obrigado!

         
      • Alessandro A.

        Novembro 3, 2011 at 11:14 am

        Oi Feliciano,

        Eu não me lembro mais de quanto paguei nos táxis, mas é bem mais barato do que no Brasil e um pouco mais caro do que na Argentina, mas pode ter mudado nesses dois anos. O gasto diário depende muito do que você pretende fazer e de que tipo de restaurante pretende frequentar, portanto não tenho como dizer. Infelizmente não frequentei nenhum barzinho, portanto só tenho dicas dos restaurantes mesmo. De qualquer forma no bairro de Bellavista tem várias opções.

        Abraços!

         
  7. Emerson Hammacher

    Janeiro 9, 2012 at 10:23 am

    Alessandro, bom dia
    Muito legal o seu Blog.
    Parabens!

     
  8. cristina

    Janeiro 15, 2012 at 10:54 pm

    OLA, ESTOU EM SANTIAGO E VI SEU BLOG . FIQUEI ENCANTADA COM O RESTAURANTE AZUL PROFUNDO E RESOLVI JANTAR LA DIA 12. FIQUEI SUPERDECEPCIONADA, OS PESCADOS ESTAVAM SEM SABOR E POUCO GRELHADOS E O CREME DE ESPINAFRE PARECIA VELHO E AGUADO. ATE O MOJITO ESTAVA ESQUISITO. FOI UMA PENA.

     
  9. raul

    Maio 21, 2012 at 5:41 pm

    Ótimo o seu blog todo ano visito santiago acredito que estarei tirando muito proveito dos restaurantes que vcs nos indicaram

     

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: