RSS

Santiago – Outros passeios

14 Maio

Depois de visitar o centro da cidade fomos para o atraente bairro de Bellavista, que é muito boêmio e onde se localizam vários restaurantes, bares e discotecas da cidade. Para chegar lá, você ir a pé ou pegar o metrô até a estação Balquedano (A).



Além de passear pelas ruas do bairro, um dos pontos imperdíveis é o Patio Bellavista (B), que é uma área super agradável com lojas, restaurantes e bares ao ar livre.

IMG_3024

IMG_3023

IMG_3143

Aqui você pode comprar as famosas jóias com a pedra lápis-lazúli, que só existe no Chile e Afeganistão. Elas também são vendidas no Mercado Central, mas os preços aqui estavam melhores.

IMG_3022

IMG_3111

Não deixe de visitar Bellavista a noite também e aproveite para comer em um dos seus muitos restaurantes. Os principais ficam na calle Constitución, como o Azul Profundo (D) e Como água para chocolate (C), e falarei mais sobre eles depois. Só de lembrar já me dá água na boca!

A calle Pio Nono não é das mais agradáveis, com diversos bares e restaurantes sujos e barulhentos. Sugiro evitar comer por ali e focar na calle Constitución, a não ser que você tenha alguma indicação.

É de Bellavista que parte também o funicular para o Cerro San Cristóbal (E). Para se chegar no topo do cerro, onde se tem uma vista espetacular da cidade, pode-se subir de carro ou bicicleta, mas os meios mais comuns para os turistas são o funicular ou o teleférico. O primeiro parte de Bellavista e o teleférico sai do bairro de Providencia. Você pode subir e descer por qualquer um deles e como queríamos experimentar de tudo, optamos por subir de funicular e descer de teleférico. O preço por pessoa foi de 2.200 pesos (R$8,50) e para mais informações, entre nesse site oficial.

IMG_3051

Na subida você também tem a opção de visitar o zoológico, mas tem que pagar mais por isso.

No topo do cerro você tem uma vista espetacular da cidade, mas é muito comum ter uma neblida atrapalhando, como foi o nosso caso. Nada que atrapalhasse a beleza do cenário.

IMG_3059

Além da vista, também fica aqui o Santuario Inmaculada Concepción, com uma estátua e uma capela. Para visitá-lo, você deve subir uma escadaria que dá uma certa preguiça. Eu diria que o cenário todo lembra muito o Cristo Redentor no Rio em menor escala, só que o nosso visual é bem mais bonito e o cristo também.

IMG_3073

Para terminar o passeio, pegamos o teleférico para descer. São cabines pequenas para 4 pessoas e admito que dá um certo medo. Apesar de não ser extremamente moderno, me pareceu bastante seguro e a vista vale muito a pena.

IMG_3076

IMG_3075

Acabei esquecendo de tira fotos da descida, pois estava admirando o cenário e controlando o medo da minha esposa, que morre de medo de altura. 🙂

A base do teleférico é no bairro da Providência ao norte do rio e fica a uma pequena distância a pé do nosso hotel (veja post anterior), que fica ao sul do rio. Fomos caminhando até o hotel e mesmo que você não esteja hospedado por essa região, vale muito a pena andar por aqui. Essa região da Providência é totalmente residencial e as casas são fantásticas. Parecia que eu estava nos EUA naqueles bairros de casas do subúrbio, só que no meio da cidade. Não deve ser nada mal morar por aqui não!!!

IMG_3081

Nos outros dias aproveitamos para conhecer locais um pouco mais distantes do centro. Visitamos a calle Concha y Toro ao lado da estação de metrô República, que é uma região com casarões históricos no Barrio Brasil. Ali fica o restaurante Zully (calle Concha y Toro, 34), muito bem recomendado pelos guias, mas não tive a oportunidade de experimentar.

IMG_3146

IMG_3147

Indo para o outro lado da cidade, fomos visitar o shopping Parque Arauco. Ele se localiza no bairro Las Condes em uma região mais moderna da cidade, próxima também aos bairros Vitacura e El Golf. Esses bairros possuem diversos prédios espelhados e são a residência da elite de Santiago. Como o shopping não fica ao lado de uma estação de metrô, você pode chegar lá de táxi ou caminhando desde a estação final da linha 1 Escuela Militar. A caminhada desde a estação metrô leva uns 20 minutos e são 2 Km.

O shopping em si é bem bonito e possui todas as principais lojas (Paris, Ripley e Falabella), inclusive diversas redes que eu só tinha visto nos EUA e que não existem no Brasil. A área de alimentação é bem transada e a céu aberto, tendo inclusive shows ao vivo. Se você deseja ir ao cinema, existe um multiplex com diversas salas. O mais curioso é que a loja de lanches do cinema não vende só pipoca, mas uma variedade de sanduíches e petiscos que lembra muito uma lanchonete tradicional.

IMG_3118

IMG_3121

Outros posts da viagem a Santiago:
Santiago – Chegada
Como andar em Santiago
Santiago – Passeando pelo centro
Restaurantes em Santiago

Anúncios
 
8 Comentários

Publicado por em Maio 14, 2009 em Chile, Santiago

 

Etiquetas: , , , , ,

8 responses to “Santiago – Outros passeios

  1. Bia Ciampa

    Novembro 2, 2010 at 6:06 pm

    Parabéns!!! excelentes informações valeu!
    obrigada!

     
    • Alessandro A.

      Novembro 3, 2010 at 10:29 am

      Obrigado Bia!

       
  2. Mario Luis

    Dezembro 15, 2010 at 11:03 am

    Alessandro, parabéns pelo blog. Informações “telegráficas” e muito úteis. Eu e minha esposa iremos para Santiago dia 28/12 e, com certeza, usaremos suas dicas. Pergunto: é necessário levar dólares? Ou reais está de bom tamanho? Aproveitando: também produzi dois blogs, sobre viagens nossas. Se quiser consultá-los, um é o umgiroemportugal.blogspot.com
    e o outro é o buenosairesyushuaia2010.blogspot.com. Abração, Mario Luis.

     
    • Alessandro A.

      Dezembro 15, 2010 at 3:36 pm

      Oi Mario Luis,

      Obrigado pela visita! Eu levaria dolares, pois acho que é mais fácil fazer o câmbio. Normalmente os hotéis também fazem câmbio para seus hóspedes, portanto você pode perguntar se eles aceitam reais, mas acho o dólar mais garantido.
      Quando tiver um tempo, vou passar lá nos seus blogs para dar uma olhada. Portugal é um destino que conheço pouco e quero aprender mais e nunca estive na Patagônia, portanto tenho certeza que vou aproveitar as informações.

      Abraços!

       
  3. Daniela

    Janeiro 22, 2011 at 3:15 am

    Alessandro,
    adorei as informacoes!
    Isso aqui era tudo o que eu estava procurando!
    Muito útil, parabens!
    Mas uma duvida.. os restaurantes aceitam o real?

     
    • Alessandro A.

      Janeiro 23, 2011 at 9:53 pm

      Oi Daniela,

      Normalmente não aceitam não, mas você sempre pode pagar com cartão de crédito. Pelo que eu me lembre, eles só aceitam pesos chilenos mesmo.

      Abraços!

       
  4. Camila R.

    Março 26, 2012 at 2:05 am

    Olá Alessandro,

    Tô com uma dúvida enorme: o centro de Santiago fica distante do bairro de BellaVista?

     
    • Alessandro A.

      Março 26, 2012 at 12:02 pm

      É bem do lado. Sempre que tiver esse tipo de dúvida, basta consultar no Google Maps.

       

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: