RSS

Restaurantes em Santorini

27 Ago

Para encerrar essa série da Grécia, vou comentar um pouco sobre os restaurantes em Santorini, que além da comida, normalmente oferecem um vista espetacular incluída no preço. Isso realmente é um diferencial em Santorini, pois existem os restaurantes “com vista” e os “sem vista” e a escolha é complicada. Muitos dos restaurantes com melhor comida não possuem vista e outros se baseiam no visual para cobrar caro por uma comida apenas razoável, assim como acontece nos locais mais turísticos do planeta. Bem, o melhor é procurar balancear os dois quesitos.

Como o nosso hotel já tinha uma vista espetacular, nós procuramos focar na qualidade da comida. Caso o restaurante também tivesse uma vista, vinha de brinde! 🙂

Os restaurantes em Santorini são um pouco mais caros que os de Atenas ou Mykonos, mas ainda sim mais baratos que o restante da Europa. A comida é semelhante ao restante da Grécia, muito baseada nas carnes de porco e cordeiro. No entanto, tive dificuldades em achar um local que vendesse o famoso Gyros (churrasquinho grego) sem ser em um restaurante, dificultando aquele lanchinho da tarde.

A minha lista de restaurantes indicados incluía alguns de renome, como 1800 e o Ambrosia-Nectar, mas infelizmente os achei muito caros para o meu orçamento. De qualquer forma eles são bem elogiados e indicados e fica aí a dica para quem estiver disposto a pagar um pouco mais. É importante lembrar de fazer reserva para garantir o seu lugar.

Em Oia fomos a 3 restaurantes. O que gostamos mais foi o Restaurante Papagalos, bem próximo ao extremo oeste da vila e de onde se observa o pôr-do-sol. Eu o recomendo para o jantar logo após o pôr-do-sol, pois a multidão ainda não lotou os restaurantes mais próximos e você ainda consegue um lugar na varanda. O tempero da comida é bastante requintado e ainda fomos atendidos por um garçom brasileiro (um paulista que foi passar férias em Santorini e acabou ficando de vez). Comemos costeletas de porco acompanhadas de batata e um gyros de porco no prato, ambos deliciosos, mas infelizmente não tenho as fotos dos pratos, pois acabou a bateria da minha máquina. 😡 Pagamos €42 (com gorjeta inclusa) e saímos bem satisfeitos.

Restaurante Papagalos

Restaurante Papagalos


No primeiro dia almoçamos no Restaurante Skala, próximo ao nosso hotel na rua Odos Nikolaos Nomikos. Esse restaurante é mais simples e sua comida é típica das tavernas gregas, mas tem um visual maravilhoso. Apesar de simples, sua comida é gostosa e bem barata para os padrões de Oia.

Entrada do Restaurante Skala

Entrada do Restaurante Skala

Restaurante Skala

Restaurante Skala


Iniciamos os trabalhos com o famoso queijo feta assado, que vem todo derretido e é ótimo para se comer com o pão.

Queijo feta assado

Queijo feta assado


Para os pratos principais pedimos novamente uma costeleta de porco com batata frita e um cordeiro ao molho de vinho tinto com arroz.

Costeleta de porco

Costeleta de porco

Cordeiro ao molho de vinho

Cordeiro ao molho de vinho


Tudo simples, mas gostoso. No final pagamos €41 (com gorjeta inclusa).

Também jantamos em um restaurante chamado Lotsa, mas não gostamos da comida e principalmente do atendimento. A localização é ótima e possui também um belo visual, mas os garçons e o dono são grossos e a comida não tem sabor nenhum. Pareceu ser um daqueles locais “pega-turista” e definitivamente não o recomendo.

No nosso passeio por Fira, almoçamos na Taverna Nikolas na rua Erythrou Stavrou, que é um pouco mais interna. Essa é uma típica taverna grega familiar, com um ambiente simples e sem visual. O Sr. Nikolas, dono da taverna, atende algumas mesas pessoalmente e é bem simpático e objetivo. A comida é simples e barata.

Entrada da Taverna Nikolas

Entrada da Taverna Nikolas

Taverna Nikolas

Taverna Nikolas


Pedimos novamente um queijo feta de entrada, só que dessa vez grelhado e com limão. Em seguida minha esposa pediu umas almôndegas ao molho de tomate e eu pedi um squirl ao molho de vinho tinto.

Queijo feta grelhado

Queijo feta grelhado

Almôndegas ao molho de tomate

Almôndegas ao molho de tomate

Squirl ao molho de vinho tinto

Squirl ao molho de vinho tinto


Eu particularmente não gostei muito do meu prato, mas o queijo feta e as almôndegas estavam bons. Pagamos €30, que é bem barato.

Para terminar, se você gosta de doce não deixe de passar na doceria Melévio em Oia ou uma doceria da rua principal de Fira, mas que infelizmente não me lembro o nome. Os doces são molhados e maravilhosos e são de deixar água na boca. Além dos doces tradicionais, procure experimentar os doces gregos, principalmente a Baklava e Kataifi. São a base de amêndoas e mel e uma delícia!!!

Doceria em Fira

Doceria em Fira

Doces gregos

Doces gregos


Outros posts da viagem a Grécia:
Grécia: Agências de Viagem
Grécia: Como chegar nas ilhas
Chegando a Atenas
Atenas – Passeando pela história
Atenas – Museu da Acrópole
Atenas – Estádio Olímpico
Atenas – Outros passeios
Restaurantes em Atenas
Chegando a Mykonos
Mykonos – As praias do sudoeste
Mykonos – As praias do norte
Mykonos – Chora
Chegando a Santorini
Santorini – Oia
Santorini – Fira e outros passeios

Anúncios
 
15 Comentários

Publicado por em Agosto 27, 2009 em Grécia, Restaurantes, Santorini

 

Etiquetas: , ,

15 responses to “Restaurantes em Santorini

  1. Allan Lima

    Setembro 8, 2010 at 5:37 pm

    oi Alessandro, obrigado pelo testemunhal e suas dicas de viagem. Vou para a Grécia e ajudou muito na minha opinião e planos de viajem. Abraço.

     
    • Alessandro A.

      Setembro 8, 2010 at 6:11 pm

      Valeu Allan!

       
  2. Luiz lahr

    Dezembro 30, 2010 at 10:42 am

    Bom dia Alessandro!Muito útil e elucidativa suas dicas para quem faz sua primeira viagem a Grécia.Com certeza aproveitarei suas informações e sinto mais confiança em fazer meu plano de viagem.Agradeço por compartilhar a experiência.Abraços Luiz Lahr.

     
    • Alessandro A.

      Dezembro 30, 2010 at 2:26 pm

      Obrigado Luiz! O objetivo é realmente poder ajudar.

      Abraços!

       
  3. Naiana

    Fevereiro 8, 2011 at 4:31 pm

    Alessandro!

    Desculpa perguntar e te encomodar de novo hehehe! Mas vc lembra qto mais ou menos gastavam por dia o casal? (Incluindo passeios e comida)

    Obrigada pela atenção!

     
    • Alessandro A.

      Fevereiro 8, 2011 at 5:05 pm

      Oi Naiana,

      Isso varia muito de pessoa para pessoa, pois os gostos e orçamentos são diferentes. Nós gastávamos em média uns €125 a €150 para o casal (sem hotel), mas o único gastos que fizemos com passeios foi o aluguel do carro, já que não contratamos nenhum passeio fechado, como o da caldeira.

      Abraços!

       
  4. arthur vieira de moraes neto

    Setembro 11, 2011 at 12:31 pm

    Bem, Alessandro, com este nome é sempre bom estar perto da Macedonia.
    Posso confirmar aos futuros viajantes que o que você disse sobre Mykonos e Santorini (corruptela de Santa Irene) é verdadeiro e muito auxilia.
    Aí, preferi ficar em Fira pois vai que OIA fosse uma cidade mineira, uai.
    Não confundir:
    Sou paulista de Pirassununga.
    Este repasse de experiencias, não só em viagens, mas com a própria
    vidavida de forma altruista é de enorme valia e seria ótimo para o país qe muito mais pessoas agissem assim.
    Parabéns

     
    • Alessandro A.

      Setembro 11, 2011 at 1:18 pm

      Obrigado Arthur!

       
  5. Fabiana

    Maio 22, 2012 at 1:08 pm

    Oi, Alessandro! Parabéns pelo site, o melhor que encontrei, rico em informações e dicas! Estou indo para Grécia em Junho e as dicas são ótimas! Muito Obrigada!

     
  6. Sandra Zucarino

    Setembro 16, 2012 at 6:49 pm

    Olá Alessandro, ADOREI seu post, estou planejando uma viagem à Grécia, no final de setembro (para fugir do calor) e em muitas buscas voce arrasou. Depois de ler todo o post é que reparei o quanto é jóvem. Continue viajando e nos dando informações tão importantes. Colocarei seu site nos meus favoritos. Parabéns e felicidades.

     
    • Alessandro A.

      Setembro 16, 2012 at 9:15 pm

      Obrigado Sandra e volte sempre! O objetivo do blog é realmente poder ajudar a todos que viajam.

       
  7. maristela ramos

    Março 15, 2015 at 1:46 pm

    Oi Alessandro! Estou conhecendo suas dicas hoje, mais achei incrível. Pretendo viajar em julho com minha filha e uma amiga. Iremos na Italia e na Grécia ( Santorini). Quais dicas de locomoção nos daria? Obrigada!

     
    • Alessandro Ayres

      Março 16, 2015 at 9:14 am

      Oi Maristela,

      Na Itália procure usar bastante o trem, quando possível, já que para algumas cidades menores só de carro mesmo. Na Grécia o deslocamento é mais complicado, mas de Atenas até as principais ilhas eu recomendo o avião, que é rápido e não muito caro. Entre as ilhas o barco é em muitos casos a única opção, já que fazer conexão em Atenas pode ser muito demorado e caro. Nas ilhas eu recomendo alugar um quadriciclo ou carro para os deslocamentos.

      Abraços!

       
  8. Samira

    Março 26, 2017 at 5:32 pm

    Obrigadooooo!!! Amei 👏🏼👏🏼👏🏼

     

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: